1 fevereiro 2018
1 fevereiro 2018,
 0

Afinal o que é mais interessante?

Um ou outro, ou os dois juntos?
Bom, muitos devem estar se perguntando o que é Inbound Marketing e Outbond Marketing, e qual dos dois é o melhor a ser usado numa ação de marketing.
Eu particularmente acho que ambos devem ser usados simultaneamente numa ação… mas e aí, tudo bem, que raios vem a ser Inbound e Outbound Marketing?
Calma, vamos divagar a respeito deles agora. E pode ter certeza de que não é nada assim tão complicado. Só não os fazem por falta de conhecimento.

Então falemos de Inbound Marketing:
E afinal, o que é? Nada mais é do que um conjunto de táticas e de ferramentas de marketing que são usadas simultaneamente e de forma coesa para atração sistematizada de novos e possíveis clientes e prospecções. Tudo isso com o intento de promover um número real de novos clientes e um aumento também real de suas vendas.

Para isso é necessário fazer uma leva de atividades, mudanças e acertos no processo da ação de marketing com o intento de atrair, de converter, de se relacionar e ainda de quebra analisar os possíveis clientes, produzindo assim um aumento sensível no fluxo geral das vendas da empresa.

É como a empresa mostrar ciência no assunto que tange o seu business para torná-lo interessante a seus novos e potenciais clientes.
E tudo isso é feito de forma dinâmica, através do marketing digital.

O Inbound Marketing funciona como um agregador, um fomentador de vendas. Desta forma não existe a necessidade dos vendedores se valerem de telefonemas ou qualquer outro meio para que haja uma prospecção de mercado e clientes.

Tudo fica redondinho, porque o marketing digital é focado diretamente em resultados, pois a empresa se sujeita a produzir informações sobre o determinado produto ou serviço em tempo quase que real. Desta forma a empresa vai alimentando seu possível cliente, fomentando o desejo até que este “lead” sinta-se a vontade para comprá-lo. E isso é muito bom, pois se otimiza o trabalho, reduz o custo, cria credibilidade e o melhor: desperta a necessidade da aquisição.

Motivo para se aprofundar no Inbuond marketing existem aos montes. E vou dar um conselho: estude o marketing de conteúdo e o coloque em prática. Tanto que eu vou citar alguns benefícios:

Este tipo de marketing custa 60% a menos que os métodos tradicionais e angaria até três vezes mais possíveis consumidores;
O custo de cada possível consumidor gira em torno de até 15% a menos;
Cada possível cliente custa até R$ 40,00 a menos em empresas que fazem uso de Marketing de conteúdo;
A maioria esmagadora dos profissionais de marketing acredita que o conteúdo gerado pela marca se torna mais eficiente do que a mídia impressa e também maior que o proporcionado pelo sistema de mala direta.
O retorno de investimento é considerado pelos profissionais de marketing como altamente positivo.

Um ponto discutível é quanto à automatização deste tipo de marketing, onde o ideal é poder tratar com os prospectados de forma personalizada. Automatizar este tipo de marketing e um ganho além.
Portanto posso dizer que o marketing digital de resultados é composto de quatro fases distintas que são a atração, a conversão, o relacionamento e a análise.
Todas são extremamente importantes e com funções mais que específicas que objetivam filtrar e angariar o cliente a compra do produto ou serviço.

Com esta análise você acentua, compara e verifica quais fontes produziram mais retorno para o seu produto. A conversão em vendas é o delimitador numeral.

Interessante? Que bom, mas não para aí não. Ainda vamos comentar a respeito do Outbond Marketing.
A função deste é procurar fazer contatos diretamente com seus potenciais clientes, seguindo as regras pré-definida de mercados de prioridade e segmentos.
E este contato de aproximação é feito de forma bastante detalhada e atenta, pois define o contato da empresa com o mercado e possibilita uma entrada junto aos profissionais e nos segmentos definidos de forma estratégica.

O meio mais comum e direto para este tipo de marketing é a avaliação online de sua marca, produto ou serviço junto ao perfil do seu consumidor.
Caso não se tenha profissionais capacitados para a interação deste tipo de analise, existem empresas online que podem ser terceirizadas que facilitam e muito para a geração destes resultados.
Estas empresas prestam serviços viabilizando softwares de relacionamento online com custos em dólares, que podem ser pagos anualmente e que checam seus ROI.

E da mesma forma, como no Inbound, o Outbound Marketing também merece uma atenção bastante especial, pois existem muitas e muitas razões para que seja colocado em prática, como por exemplo:

A credibilidade através do método tradicional de confiança de olhar para o cliente de forma interpessoal;
A ação destes dois tipos de marketing visa potencializar e reduzir a gama de trabalho na aquisição de novos clientes
É possível elitizar e qualificar os possíveis compradores/consumidores da marca, dos produto ou do serviço. Neste caso se encaixam os executivos com poder real de decisão. E age de uma forma bem mais direcionada e muito mais objetiva que no Inbound Marketing;
Agrega muito potencial, credibilidade e fortalecimento da marca.

Finalizando o artigo: Se vale a pena? Sim, vale sim e muito investir nestas duas modalidades de Marketing.
Se desvincular dos métodos 100% tradicionais de marketing vão gerar novos e surpreendentes resultados para sua ação. Portanto são tema que merecem atenção e determinado tempo de estudo.
A conversão final vai valer a pena, assim como a “budget” a ser investido. Tudo é uma questão de estudo, empenho, tempo e um pequeno orçamento..
E garanto que não vai existir empresa que não venha a fazer isso com sua marca. E você não quer ficar de fora, ou quer?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *